Filmes

A B C D E F G H I J K L M N O P Q R S T U V W X Y Z

domingo, 19 de dezembro de 2010

It's Alive

Título original: It's Alive
Ano de lançamento: 1974
País: EUA
Direção: Larry Cohen
IMDb

Elenco:
John P. Ryan - Frank
Sharon Farrell - Lenore
Daniel Holzman - Chris

Sinopse & notes:
Pra comemorar as novas aquisições e aproveitar o tempo livre (férias, Yes!), refiz todo o layout do blog do zero, mantendo apenas o esquema de cores.

E pra combinar com o estilo infantilóide do novo layout, vou começar falando sobre esse filme especial que vi pela primeira vez essa madrugada, sobre recém nascido assassino. Intitulado no Brasil como “Nasce um monstro” (adorei esse título), It’s Alive conta o drama de um casal – Frank e Lenore – que têm sua rotina transformada num verdadeiro pesadelo ao tentar ter o segundo filho do casamento.

O filme começa quando a bolsa de Lenore estoura e Frank a leva ao hospital com a preocupação única de que a esposa leve mais de 45 minutos em trabalho de parto. A tragédia, no entanto, supera em muito as expectativas do futuro pai quando, ao nascer, o bebê simplesmente mata todo mundo que estava dentro da sala do parto e foge, deixando apenas a mãe viva. Dado como um caso de mutação genética, o bebê tem a polícia em seu encalço e segue fazendo novas vítimas.

O filme investe principalmente no suspense, sem muito gore e zero cena de violência explícita. O bebê aparece pouco, apenas de relance e por breves frações de segundo. Mesmo assim dá pra notar que ele é bizarro e muito tenebroso, me lembrou muito o bebê zumbi de Fome animal, sendo que sem comédia. Muito verossímil também o drama vivido pelos protagonistas, do humor bobalhão à depressão profunda. Adorei!

Não vou dar conceito nenhum, essa nova fase do blog começa com a abolição dos conceitos, pois percebi que meu gosto varia muito ao longo dos anos e com o tempo o conceito perde o sentido.

E bem, o filme teve duas sequências: It Lives Again (1978) com 3 bebês assassinos (!) e It's Alive III: Island of the Alive (1987), que trata-se na verdade de uma comédia. O filme também foi refilmado em 2008. Apesar da cotação baixa, fiquei curiosa.