Filmes

A B C D E F G H I J K L M N O P Q R S T U V W X Y Z

quinta-feira, 28 de dezembro de 2006

O último paciente

Título original: The Final Patient
Ano de lançamento: 2005
País: USA
Direção: Jerry Mainardi
IMDb

Elenco:
Matthew Borish - Billy
Guy Boyd - Sheriff McKnee
Jason Scott Campbell - Willy Jenkins
Bill Cobbs - Dr. Daniel Green
Desmond Confoy - Matt
Alex Feldman - Cameron Streckman
John Benjamin Martin - Bar patron
Lizan Mitchell - Elizabeth Green
Victor Velez - Dr. Hernandez


Sinopse:
Esse é o tipo de filme que termina e você pensa “What the fuck?” A história gira em torno de um médico de 74 anos semi-aleijado que mora com sua esposa numa cidadezinha do interior. Certo dia uns garotos estão brincando no seu terreno quando um deles termina se acidentando, tendo sua perna esmagada por um velho trator de 3 toneladas. Para salvar o garoto, o médico levanta o trator com uma mão e puxa o garoto com a outra.

O depoimento dos garotos para o xerife alimenta antigas lendas sobre o médico e sua suposta força descomunal, apesar do filme não conseguir passar de forma satisfatória o imaginário local acerca do doutor.

Bom, o fato é que ele parece ter conseguido de alguma forma manter o vigor da juventude. E aí está a base de todo o suspense do filme. Outras coisas contribuem para apimentar o clima, como a esposa do médico, uma senhora reclusa que não é focalizada pela câmera em 99% do filme. Aparecem apenas partes de seu corpo, onde se nota um certo aspecto de decomposição.

No mesmo dia em que o médico salva a criança chegam a cidade um garoto recém formado em medicina que morou no vilarejo durante a infância, e seu amigo. No bar escutam os comentários acerca do feito do doutor e decidem visitá-lo. É a partir daí que o nível do filme começa a cair, ficando meio forçado a repentina semi-fixação dos garotos pelo cara.

Apesar disso o filme se mantém plausivelmente. Os garotos visitam o doutor, que os convida para jantar em sua casa no mesmo dia, não obstante sua esposa desaprove a decisão. No jantar dá-se início ao paradoxo: muito embora não acreditem na suposta força do médico, os garotos querem descobrir a fonte dela.

No final das contas o médico conta o segredo aos garotos sem nenhum suspense, na maior espontaneidade. E a verdade, longe de ser qualquer coisa macabra que envolva pessoas mortas, é nada mais nada menos que um líquido feito com veneno de cobras.

A matança no desfecho é rápida e sem nenhum motivo aparente. Sobram dúvidas: Por que a mulher do médico enlouquece? E que porra de aparência era aquela?

Conceito: d