Filmes

A B C D E F G H I J K L M N O P Q R S T U V W X Y Z

sexta-feira, 3 de novembro de 2006

Rota da morte

Título original: Dead end
Ano de lançamento: 2003
País: França / USA
Direção: Jean-Baptiste Andrea e Fabrice Canepa
IMDb

Elenco:
Ray Wise - Frank Harrington
Lin Shaye - Laura Harrington
Mick Cain - Richard Harrington
Alexandra Holden - Marion Harrington
Billy Asher - Brad Miller
Amber Smith - Lady in White
Karen S. Gregan - Doctor
Sharon Madden - Nurse
Steve Valentine - Men In Black


Sinopse:
Os Harrington sempre passam o natal na casa da família da esposa, Laura. Mas dessa vez Frank decidiu pegar um atalho. No carro vão também os dois filhos Richard e Marion e o noivo da última.

Os problemas começam quando em dado momento Frank jura ter visto uma mulher de branco na estrada. Ao parar o carro, a mulher, que segura um bebê, aparece repentinamente e parece em choque. A família Harrington a coloca dentro do carro e voltam até um posto que passaram há pouco no intuito de conseguir ajuda. É onde se dá uma das cenas mais tenebrosas do filme. Quando ficam no carro somente a mulher e o noivo de Marion, este a pergunta se o bebê consegue respirar direito estando tão bem embrulhado em tanto pano, ao que ela responde “Não importa, ele está morto”, e retirando o pano ele vê um bebê todo desfigurado e ensangüentado. Marion, que vinha caminhando pela estrada, vê quando passa um carro preto por ela levando o noivo dentro. Ao chegar ao posto percebe que a mulher de branco também não está mais lá. A família retorna ao carro e vai na direção que o carro preto tomou. É quando encontram o corpo do noivo de Marion na estrada quase irreconhecível.

E assim acontece sucessivamente. Um a um os membros da família são vistos sendo levados por um carro preto e depois aparecem mortos. Pra completar a estrada parece não acabar nunca. Freqüentemente eles vêm uma placa avisando de uma cidade próxima chamada Marcott, que nunca chega, os relógios pararam todos na mesma hora e eles vão aos poucos perdendo o controle.

Rota da morte é um filme sinistro, com um suspense muito bem trabalhado levando-se também em consideração que se passa quase todo dentro de um carro sem se tornar cansativo, um final aterrador e feliz escolha do elenco. Ótimo rever Ray Wise, que fez o pai de Laura Palmer na série Twin Peaks, e Lin Shaye que vez por outra faz uma ponta num filme do gênero. Lembro bem dela fazendo o papel da professora de Nancy no primeiro Hora do pesadelo. Quando me dizem que nenhum filme de terror recente presta esse é um dos primeiros que vêm à minha mente.

Conceito: a